Feeds:
Posts
Comentários

Archive for dezembro \01\UTC 2009

Bom, vamos lá continuar com a saga dos Hobbies do Leandro!

Quadrinhos para mim é uma paixão antiga, desde pequeno eu sempre gostei muito de ler, aprendi a ler com 5 anos de idade e desde então por ser uma criança hiper-ativa minha mãe e meu pai arrumaram algumas alternativas para me distrair, uma delas foi a leitura!

Lembro-me de quando bem pequeno eu ficava esperando meu pai chegar do trabalho dele com alguma revistinha, ele comprava várias coisas do Maurício de Souza, e eu adorava! Algumas vezes ele trouxe pra mim revistas do Fantasma (o espírito que anda) mas eram quadrinhos adultos e eu não entendia direito aquelas coisas por ser muito pequeno. Bom, todo o ano a editora abril lançava o Almanacão de Férias da Turma da Mônica, e meus pais compravam pra mim e para minha irmã todo o ano, ela pintava o dela e eu lia as histórias!

Essa época eu era criança de tudo, e gostava de brincar que eu era o super-herói, amarrava uma toalha no pescoço e saia correndo pela casa. Algumas vezes eu mergulhava no chão na esperança de voar como o Superman, algumas vezes eu pegava a tampa do cesto de lixo que tinha na casa da minha mãe, e fazia daquilo o escudo do Capitão América, as vezes eu ficava jogando linhas para prenderem em algum lugar para eu pensar que era a teia do Homem Aranha!

O que eu sei é que essa época foi uma das mais legais da minha vida, eu era uma criança que brincava com a imaginação!

Depois dessa fase de criança, eu fazia cursinho pré-vestibulinho (é mesmo, pra entrar em escolas técnicas) e muitas vezes eu ia sozinho no busão sem ter o que fazer, e pegava a minha mesada e comprava revistas de super-heróis… Não sei porque, mas eu me lembro da primeira que eu comprei, não a tenho mais, só me lembro da imagem da capa e foi justamente isso que me fez comprar! Era uma revista do Wolverine, com um uniforme diferente do que eu conhecia, com uma .50 e  fumando charuto!

Wolverine #30 - Agosto de 1994 Editora Abril

 

Caras pirei nessa capa, eu gostava de super-heróis, desde pequeno via na teve o seriado pastelão do Batman, o desenho pastelão dos “Superamigos”, o desenho do Superhomem e seu cão Crypto, mas nunca tinha comprado revistas em quadrinhos de heróis, de repente eu na minha fase mais revoltada vejo uma capa dessa… Nossa, foi animal! Bom, não preciso falar que essa revista chamou outras, quando eu percebi estava comprando todas as revistas que envolviam mutantes!

Bom, como depois disso veio a escola técnica, trabalho, escola técnica de novo, e sempre trabalho eu comecei a comprar TODAS as revistas que tinham na banca… Comprava tudo, acabava de ler uma, comprava outra, e assim meu dinheiro de Stag foi se dissolvendo, mas foi legal, peguei algumas coisas legais no tempo que foram lançadas no Brasil, como a Morte do Superman, a morte do Robin, do Lanterna Verde, Arqueiro Verde, Batman paraplégico, retorno do Super, O Reino do Amanhã, Marvells, entre outras coisas muito legais! ! Por um tempo eu parei de comprar revistas, estava pagando carro, namorando, pagava internet, linha telefonica no meu quarto, entre outras… E a grana dedicada aos quadrinhos foi-se!

Eu continuava a comprar revistas, mas só estava comprando edições especiais, mini-séries, revistas anuais, entre outras, até que uma vez vi um cara entrando em um site para comprar revistinhas antigas, o site era o http://www.lucahq.com.br. Esse site não existe mais, mas foi legal que eu, cara de pau que sou, me tornei amigo do cara! Essa época começou uma saga do Batman muito legal, a saga Silêncio, e eu acompanhei a saga toda e aproveitei e comprei as todas as revistas da DC e algumas da Marvell. Passado alguns anos, resolvi casar. E paro de novo com esse esquema de revistinha em quadrinhos. 😦

Ano passado eu comecei a me estabilizar novamente depois do casório, e a Panini criou assinatura para as revistas, e resolvi fechar o pacote Full-DC! Caras, que da hora, todo o mês vem em casa todas as revistas! Fiquei tão empolgado que esse ano resolvi renovar o Full-DC e assinar o Full-Marvell, hoje recebo em casa cerca de 20 revistas em quadrinhos por mês, e para mim é um “higienizador mental”!

Recomendo à todos os fãns de quadrinhos que liguem na Panini e fechem a assinatura mensal, vale a pena!

Eu acredito que daqui pra frente vou sustentar esse vício até passar o bastão pra, quem sabe, meu filho que está para nascer! Quem sabe ele se interessa por isso e assim como eu, amarra uma toalha no pescoço e brinca pensando que é um super-herói prestes a salvar o mundo da destruição.

Abração

L. Sardim

Anúncios

Read Full Post »